Jump directly to the Content

News&Reporting

George Floyd deixou um legado cristão em Houston

Como pessoa de paz, "Big Floyd" abriu oportunidades ministeriais em comunidades carentes.
|
EnglishespañolFrançais简体中文한국어Indonesian繁體中文
George Floyd deixou um legado cristão em Houston
Image: Nijalon Dunn / Courtesy of Resurrection Houston

Os Estados Unidos conhecem George Floyd a partir de vários minutos de filmagens de celular, capturadas durante seus últimos momentos de vida. Mas, na região de Houston chamada "Third Ward", Floyd é conhecido pela forma como viveu por décadas — um mentor para uma geração de jovens e uma "pessoa de paz" que liderava ministérios na área.

Antes de se mudar para Minneapolis, em busca de uma oportunidade de emprego por meio de um programa de trabalho cristão, o homem de 46 anos passou quase toda a vida na Third Ward, localidade historicamente de pessoas negras, onde, segundo seus parceiros de ministério, era chamado de "Big Floyd" e considerado um "OG" — líder comunitário e mediador veterano.

Floyd falava sobre quebrar o ciclo de violência que viu entre os jovens e usou sua influência para trazer ministérios externos à área, ...

Subscriber access only You have reached the end of this Article Preview
To continue reading, subscribe now. Subscribers have full digital access.
Already a CT subscriber? for full digital access.
September
Support Our Work

Subscribe to CT for less than $4.25/month

Read These Next

close
hide this
Access The Archives

Member-Only Access

Subscribe to Christianity Today to continue reading this article from CT's digital archives.

Subscribe

Already a subscriber? to continue reading.